Sobre a Kissila, sobre Afrodite, Oxum e Erzulie Freda…

Já falei que tenho uma excelente memoria?

Nunca acreditei no acaso, e por incrível que pareça, as coisas em minha vida ao apresentar um final de um ciclo, sempre é de modo surpreendente… eu não sei imaginar como Deus é grandioso em mostrar que fala e responde aos sinais que peço.

A mais ou menos uns uns quinze anos atrás, conheci uma Sacerdotisa da Deusa, o nome dela é Kissila, que atualmente é uma das minhas amigas mais antigas… ela sempre foi envolvida e sempre esteve sobre influência de Afrodite – taurina, daquelas que defende os relacionamentos com unhas e dentes e quando decide que vai lutar, e por quem irá lutar, é mais ou menos como uma leonina.

Quando eu a conheci, foi um dia após a lua cheia, que na época ela me explicou que se chamava “Esbá” uma comemoração por vários motivos, inclusive pelo fato da lua ter dado uma volta em torno da terra, e que tínhamos passado pelas provações de um mês (ou seja, por sobreviver tanto tempo estávamos de parabéns…), naquele mesmo dia, ela me deu um frasco de um Óleo de Esbá que havia feito, lembro claramente que ela disse não ter gostado do aroma – pois ela tinha usado óleo de soja, como óleo base, e que o certo era ter usado óleo de milho -, nessa noite (hoje é 12 de Julho de 2016), passei toda sem dormi, levantei várias vezes durante a noite e fiquei lembrando dessa história… ha quinze anos atrás, Kissila foi a primeira a me dar um óleo de Esbá, feito por ela mesma, ela que tinha uma ligação fortíssima com Afrodite… a mais ou menos uns 5 anos atrás, ela foi raspada no Candomblé, e recebe em si a irradiação de Oxum (isso seria algo bem obvio né…), mas o mais surpreendente mesmo, foi algo muito engraçado que ocorreu no final do dia.

Eu estou passando por vários momentos de mudança em minha vida, momentos eu que eu parei para fazer pequenas observações sobre minha vida, sobre o que quero, sobre quem quero, sobre o que sou e como viver uma vida assim: não mais só… erzulie

Fiz uma pequena oração antes de sair de casa, a uma das divindades do meu caminho… que a muito tempo vem me guiando, então parei na frente de um estúdio de tatuagens, com aquela força que me chamava que me puxava, então fiz uma tatuagem: um símbolo de Erzulie Freda, no braço esquerdo (o lado feminino dos corpos humanos), fiz uma postagem em uma de rede social, então uma amiga minha, aluna e parceira de negócios (pois juntos estão trabalhando em um projeto dela, que envolve “Sereias” afinal, Erzulie Freda é uma sereia… assim como Afrodite, e Oxum..) chamada Bruna Benes , me informou: Hoje é dia de Erzulie Freda – O que me fez abrir um sorriso de uma orelha a outra, pós eu realmente não sabia, nada foi programado, nem planejado.

Conclusão,

Ontem eu estava mexendo em cadernos velhos de anotação, achei a formula do Óleo que a Kissila me passou, preparei alguns frascos para meu uso, então acendi uma vela e ofereci a chama a Deus (o Bondye), acendi uma outra vela e ofereci a Erzulie Freda, para que ela afastasse as sombras do meu coração.
Passei a noite pensando nessa receita, no tempo… tatuei um símbolo porque me foi pedido, e descobri que eu o já tinha em mim a muito tempo.

Um Óleo para Velas que tem o poder de atrair as influências da Lua

1 Colher de sopa: raspas de casca de limão.

2 Colher de sopa: pétalas de rosas vermelhas trituradas…

Para cada 40ml de óleo de milho.

Faça ao óleo quente, ou deixe envelhecer em um vidro pardo por uma semana.

Para potencializar o óleo, enterre ele para que receba as vibrações da terra.

Por: Kefron Primeiro.

Anúncios

Comente...

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s